Acabou a caçada

" Rei da Fronteira" se entrega à polícia depois de meses foragido


Fahd (direita) e Jamil Name (esquerda) Foto: Reprodução da internet

O “ Rei da Fronteira, como é chamado em Ponta Porã, Fahd Jamil, se apresentou na manhã desta segunda-feira (19) no Garras. Ele estava foragido há 10 meses. Ele é réu na Operação Omertà por formação de organização criminosa, tráfico de armas, corrupção e ainda por mandar executar o chefe da Assembleia Legislativa, sargento da Polícia Militar Ilson Martins Figueiredo.

Fahd empresário teve a prisão preventiva decretada em junho de 2020. Ele comunicou em nota que Em nota, ele afirma que está “sob perseguição de criminosos” e vive sendo “sustentado pelos filhos”.


Gosto disso? Compartilhe com os seus amigos!

Share via
Send this to a friend